Novidades para os cabelos

Adoro colocar novidades, tanto para beleza quanto para moda. Espero que essas dicas ajudem vocês!

Com silicone e filtro solar, os produtos formam um filme que protege os cabelos coloridos. A fórmula não contém sal e é composta por ingredientes que restauram o equilíbrio e a força capilar.
Shampoo Tutano Vegetal Cabelos Coloridos, Ox, R$ 8
+ Condicionador Tutano Vegetal Cabelos Coloridos, Ox, R$10
SAC 0800 703 40 71


Os produtos são indicados para manutenção da cor dos cabelos loiros, vermelhos e expostos ao sol, praia e piscina. O condicionador amacia os fios e pode ser usado como leave in.
Shampoo Hydra Protect UV,
Eos, R$ 20
+ Condicionador Hydra Protect UV, Eos, R$ 22
SAC (11) 3081-8806

Formulados com ingredientes que proporcionam um efeito lubrificante, reparam a superfície dos fios, deixando-os macios e hidratados.
Shampoo sem Sal Dano Térmico, Dove, R$ 5,50,
+ Condicionador Reparador Dano Térmico, Dove, R$ 6,50
SAC 0800 707 7512



Indicado para um tratamento intensivo, a máscara capilar tem fórmula ultraconcentrada com ativos nutritivos e reparadores que revitalizam os cabelos danificados e quimicamente tratados.
Revitrat Nutri Power Mask, Dermage, R$ 39
SAC 0800 024 1064

Multiuso, o finalizador protege os fios do calor de secadores e chapinhas, modela os cabelos e reduz o frizz. Contém silicones especiais que agem nas pontas secas e danificadas.
Revitrat Ultra Repair, Dermage, R$ 29
SAC 0800 024 1064




255_beleza-cabelo-xampu-condicionador-skafeComposta por água purificada, a linha Acquahair repara e hidrata os fios. A fórmula também traz o ativo Hidroxyethyl Urea que, ao interagir com as moléculas de água e proteínas, recompõe a estrutura capilar.
Shampoo Hidratante, Acquahair, Skafe, R$ 7
+ Condicionador Hidratante
, Acquahair, Skafe, R$ 7,50
SAC (21) 2187-8181




* Preços pesquisados em julho de 2009


Fique linda e cheirosa!

Quedas de cabelos

Quando uma pessoa perde mais de 100 fios por dia (o normal é entre 50 e 70), alguma coisa não vai bem. Mas, como saber? Chumaços no ralo do banheiro são evidências do problema. Cerca de dois milhões de brasileiras sofrem de calvície, cujas principais causas são anemia, menopausa, ovários policísticos, distúrbio da tireoide, uso de antidepressivos, entupimento dos poros e, claro, tendência genética. Situações de estresse agudo (assalto, demissão, término de relacionamento, etc.) também podem provocar o problema ao fazer aumentar a taxa de testosterona. Para testar se a sua queda de cabelo é preocupante, segure firme uma madeixa, a partir da raiz, e puxe-a para baixo com força três vezes. Se na última continuarem caindo muitos fios, é hora de procurar um especialista. Os tratamentos são diversos: de xampus manipulados a injeções no couro cabeludo. Para combater a perda excessiva, lave o cabelo dia sim, dia não, evite o uso de químicas e de secador.

Caspa

Ombros polvilhados e sobrancelha com floquinhos brancos. Não, não é neve, é caspa. A dermatite seborreica, doença de pele crônica que provoca a caspa, atinge cerca de 40% dos brasileiros. Ela consiste na produção excessiva de gordura pelas glândulas sebáceas. E esse processo pode acontecer por uma série de motivos: predisposição genética, alterações emocionais como depressão, ansiedade ou estresse, distúrbios hormonais ou até por causa de um fungo, o Pityrosporum ovale, que vive naturalmente no couro cabeludo mas pode se proliferar e produzir a caspa. Quem tem predisposição a ela precisa evitar cobrir a cabeça, dormir com o cabelo molhado e agredir o couro cabeludo com água muito quente ou esfregação excessiva. Para combater a oleosidade, é importante lavar os cabelos diariamente. Outra dica é usar xampus anticaspa para controlar a descamação também provocada pelo excesso de oleosidade.

Ronco

Ninguém precisa aturar dormir ao lado de alguém que ronca. Mas, infelizmente, esse é um problema que atinge quatro em cada dez brasileiros. Quando há um estreitamento da faringe, a passagem do ar fica prejudicada e produz uma vibração no fundo do céu da boca e na úvula (a campainha) causando barulho. Esse quadro pode ser deflagrado por rinite, sinusite, desvio de septo e adenoide, mas também por condições passageiras, como aumento de peso, consumo de álcool ou de tranquilizantes (tudo isso colabora para relaxar a musculatura da garganta). Segundo os médicos, metade das pessoas que roncam sofre de apneia, uma doença que provoca paradas respiratórias durante o sono. Para descobrir qual a causa da sinfonia noturna, o melhor é consultar um especialista. Algumas medidas caseiras podem ajudar a diminuir o barulho, como dormir de lado. Emagrecer, evitar a ingestão de álcool e cigarros e usar descongestionantes nasais também está valendo.

Mau hálito

Três em cada dez pessoas têm bafo. O problema pode ser provocado por mais de cinquenta fatores, mas em quase 95% dos casos a origem dele está na boca. A principal vilã é a saburra lingual, uma placa bacteriana branca, formada por restos de alimentos e de células descamadas, que fica na língua. A decomposição desses resíduos libera cheiro ruim e quando há uma diminuição de saliva na boca ele pode se tornar persistente. Fumar, respirar pela boca, consumir álcool e remédios como antidepressivos e moderadores de apetite fazem a saliva diminuir. Por outro lado, tomar dois litros de água por dia e mascar chiclete sem açúcar ajuda a manter a boca hidratada. Outra medida antibafo é limpar a língua com equipamentos próprios para isso. Entre 1% e 2% dos casos são consequência de doenças mais sérias, como alterações renais ou hepáticas. O melhor método para detectar se esse é o seu caso é perguntar a alguém de confiança. Bem de pertinho.

Pum

Querendo ou não todo mundo solta pum. Esse é um comportamento normal do organismo, afinal o ar que entra precisa sair. Mas hábitos inadequados fazem com que algumas pessoas acumulem mais gases. O fenônemo, chamado de flatulência, pode causar desconforto e distensão abdominal – e, nos casos mais graves, cólicas. Respirar pela boca, comer rápido, falar muito durante as refeições ou mascar chiclete aumenta a entrada de ar. Alguns alimentos, por fermentar no intestino, contribuem para o acúmulo de gases – repolho, couve-flor, batata-doce, feijão, grão-de-bico e lentilha. Outros, à base de proteínas (ovos, carnes, leite), provocam ar malcheiroso. Bebidas gasosas (refrigerante, cerveja e champanhe) também devem ser evitadas por quem tem muito gás. Muitas vezes a simples mudança de hábitos melhora o quadro – ingerir muita água e praticar exercícios, por exemplo, facilitam o trânsito intestinal. Se nada disso funcionar, vale apelar para os compostos à base de dimeticona, que quebram as bolhas gasosas e facilitam sua eliminação.

Cecês

Popularmente conhecido como cecê, o mau cheiro nas axilas é provocado por bactérias que se alimentam do suor. As glândulas que ficam nas axilas soltam secreções que são nutrientes desses microrganismos. Quanto mais úmido e quente for o local, mais eles se proliferam, o que aumenta o fedor. As medidas para combater o problema são simples: lavar bem as axilas pelo menos uma vez por dia, de preferência com sabonete antisséptico, usar desodorante de longa duração e roupas feitas com tecidos que deixem a região ventilada, como os de algodão (os sintéticos abafam o local). Uma compressa de bicarbonato de sódio – uma parte para três de água – neutraliza o PH local e elimina os microrganismos. Esfregar bem as roupas na área das axilas na hora de lavá-las é outro cuidado básico. Em casos extremos, os dermatologistas podem receitar sprays ou cremes contendo antibióticos que dificultam a proliferação desses seres.

Suor

Suar é necessário. Transpirando o organismo mantém sua temperatura sempre entre 36 Cº e 37 Cº. Já eliminar muito líquido sem que haja estímulos externos (exercícios físicos, por exemplo) é sinal de problema. E o nome dele é hiper-hidrose. Sabe aquelas pessoas que vivem com as mãos sempre molhadas? Pois é, elas sofrem desse distúrbio, que pode ter causas variadas: obesidade, disfunções da glândula tireoide, desequilíbrios emocionais como ansiedade… A doença pode ser controlada. A solução depende do tamanho do problema: vai desde o uso de sabonetes antissépticos a uma cirurgia que corta a ligação entre as glândulas sudoríparas descontroladas (da face, crânio, mãos, pés e axilas) e o sistema nervoso. Outro tratamento consiste em aplicar leves ch ues nas regiões de intenso fluxo de suor. A novidade mais recente vem da Alemanha: cientistas aplicam botox para suavizar a transpiração excessiva.

Chulé

As bactérias que vivem nos nossos pés multiplicam-se em ambientes úmidos, quentes e escuros. Ou seja: o tênis é um paraíso para elas. Com a proliferação desses microrganismos, aumenta a quantidade dos compostos químicos eliminados por eles (isovalérico e metanotio) que, combinados, produzem o velho e nada bom chulé. Para evitá-lo, nunca deixe de usar meias limpas e de algodão, que permitem a passagem do ar. Dar um descanso para o sapato, em vez de usá-lo todos os dias, é uma boa dica para acabar com o cheiro de queijo podre no ar. Também ajuda usar sabonete antibacteriano ou mergulhar os pés numa bacia de chá preto e, depois, passar talco. Outro inconveniente da transpiração nos pés é que ela pode dar frieiras. Para evitá-las, enxugue bem entre os dedos para eliminar os fungos que se instalam ali e se alimentam da queratina das unhas. Manter a cutícula, principalmente antes de ir à praia, ajuda a proteger a pele contra as bactérias.

Iluminadores

Ele vem marcando presença em todas as temporadas (inverno e verão) e está longe de se apagar nos looks dos desfiles e editoriais de moda e beleza. O iluminador é um item obrigatório para acender a pele. Perca o medo de brilhar e saiba como escolher e aplicar esse curinga da maquiagem.

Os iluminadores cremosos e líquidos são compostos de ceras, emolientes, silicones e substâncias que deixam a textura bem leve. São versáteis, pois podem ser aplicados em vários pontos do rosto: nos cantos internos dos olhos, no topo das maçãs do rosto até as têmporas e no V do lábio superior (cria a ilusão de aumento).

Eye Show, White Light Disco, Dior
(R$ 124).

Iluminador Facial Perolado,
Contém 1g (R$ 39).

Iluminador Candeia Diversa, Natura (R$ 26).

Brilho Indireto

Alguns tipos de base, sombra e blush são turbinados com difusores ópticos. “Com a base iluminadora, a pele parece bem tratada, como se você andasse com um diretor de fotografia, sempre embaixo da luz certa”. A base pode ser usada no rosto todo ou só em áreas que você quer ressaltar.
O blush mineral deve ser espalhado com pincel próprio, em movimentos circulares, nas maçãs. As sombras ficam bem rentes às sobrancelhas, nos cantos internos dos olhos e, claro, nas pálpebras.

Sombra Areia, Duda Molinos (R$ 15).

Blush Mineral Beauty, Pêssego,
O Boticário (R$ 67).

Sombra em Pó Expressa Luzes, Branca, Racco (R$ 34).

Luz em pó

Compacto ou solto, os iluminadores em pó costumam ter uma melhor fixação, deslizam facilmente e são indicados para qualquer tipo de pele. Mas  “Quem tem rugas deve evitar pó com muito brilho. As que têm pele oleosa precisam primeiro aplicar um iluminador cremoso para garantir uma boa duração e o brilho do produto, e não da pele”. Democráticos, esses produtos podem ser aplicados perto das têmporas, nos cantos internos dos olhos, em cima das maçãs do rosto e abaixo do arco das sobrancelhas. Use um pincel de pó ou blush para espalhar bem o pó no rosto e um de sombra para a área dos olhos. “Tons de bege, off-white e rosados combinam com as peles claras e os dourados ficam lindos nas negras”.

Pó Facial Prismissime, 31 Skin Fusion, Givenchy (R$ 174).

Pincel para Pó Facial, Revlon (R$ 61), com Iluminador Translucent Finish, C. Kamura (R$ 36).

Pó Compacto Iluminador Faces, Natura (R$ 32).

Dicas de Moda 2010, conforme seu biotipo.

A moda 2010 vem com tudo, permitindo muita coisa para todos os tipos de mulheres, mas há também exceções em certos casos, pois existem vários tipos físicos e nem todo mundo pode usar e abusar da moda.

  • Os babados vêm com tudo e para quem quer dar certo volume a algumas partes do corpo como ombro ou seios, ele é uma ótima opção, agora você que já tem tais ou outras regiões do corpo maiores nem pense em usar, pois darão impressão de mais volume ainda.
  • A barriga de fora quando é bem usada fica linda em mulheres  ousadas e magrinhas claro, que adoram dar um toque de sensualidade ao visual, mas sem deixá-lo vulgar.
  • O brilho nas roupas é para mulheres modernas, mas devem ser usados em peças básicas para não sobrecarregar demais o look, ele não deve chamar atenção e sim ser um sinal de ousadia e para quem gosta de peças assim, fique atenta para não exagerar muito, para não acabar ficando brega.
  • Macacão são excelentes  para as altas e magras, mas você que é o contrário baixinha e gordinha nem pensar, pois tal peça evidenciará ainda mais sua estatura e seu peso.
  • Ombro marcado essa tendência está vindo forte e fica a favor de mulheres que tem seios pequenos, ombros mais estreitos e ou quadris largos, agora se os ombros forem largos e os seios fartos, descarte essa peça do seu guarda roupas, para que não pareçam ainda maiores.
  • A transparência, digamos que seja uma moda momentânea e você que é magra e realmente se liga na moda, fique a vontade, para as gordinhas isso realmente não é aconselhável, pois uma peça transparente pode até mesmo dobrar o seu tamanho, devido ao grande efeito que exerce, e tenho certeza que não é isso que você quer não é mesmo, mulheres que possuem ares provocantes naturalmente também correm certo risco ao optarem por pela moda da transparência.

Cores do verão 2010

A moda muda constantemente, sempre com novas tendências, a moda contagia todos, principalmente as mulheres. As cores do verão 2010 serão variadas, dependendo das estações do ano. No verão 2010 você pode abusar das cores mais fortes, vermelho, verde, azul, laranja, amarelo, essas cores estarão na moda em 2010, além de serem cores fortes, elas destacam muito seu visual.


Queridos, como sabem adoro design, então mais um dos meus trabalhos aqui, juntamente com um texto que peguei em algum lugar, mas que achei mto legal e que tem a ver!

“Ser Designer é dar vida ao imaginário, é criar o inexistente… é dar identidade ao que ainda não tem… é dar sentido a coisas novas, é destacar de forma criativa e inteligente, algo que passa desapercebido em meio ao mundo de informações e tecnologias. O ser designer é dinâmico, atento e irreverente, antenado a tudo, vive das idéias e da imaginação, materializando-as e conceituando-as. Estudar, criar métodos e praticar, são preceitos importantíssimos na ampliação dos recursos na busca de soluções. Ser designer pra mim é percorrer um caminho. Um longo caminho de aprendizado e imaginação, que não tem atalho e não tem fim”.


Grifes apostam em óculos chamativos para primavera e verão

Nada de pretinho básico. Os lançamentos das marcas mais legais (e sofisticadas) de óculos escuros para a primavera e o verão que se aproximam prometem trazer cor para as praias e para as ruas. Grifes tradicionais apostam em modelos retrôs.


O estilo gatinho é aposta também de Tom Ford que, no anúncio de sua coleção de eyewear, causou polêmica ao colocar modelos (masculinos e femininos) nus, usando apenas os óculos. Um dos mais cobiçados para as moças tem armação grossa e modelagem de gatinho, bem parecido com aqueles que faziam sucesso entre os cinéfilos dos anos 60.

Outro sucesso é o Prada Butterfly,  hit que já foi adotado por celebridades de peso como Gwen Stefani, Juliette Lewis e Paris Hilton, a rainha dos óculos escuros. O acessório, inspirado em uma borboleta e nada básico, foi sucesso no verão europeu e já tem lista de espera nas óticas brasileiras. O mimo sai por cerca de R$ 1.200.

Discrição parece mesmo ser o de menos. A Lanvin, por exemplo, lançou um modelo com strass colorido (ao lado). E a Balenciaga, uma das grifes mais poderosas do momento, aposta em modelos em cores nada discretas. A tendência dos óculos enormes, aqueles que praticamente tampam a cara de que os usa, continua firme e forte.

Até o básico Ray Ban deixou de ser básico. Entre os lançamentos para 2010 da grife tradicional, está um modelo wayfare (aquele que era sucesso nos anos 80 e retornou com tudo no revival da década) que acompanha canetas tipo hidrocor, para o comprador colorir a armação (foto abaixo). Difícil, para os pobres mortais que só podem comprar um óculos por temporada, será combinar tanto exotismo com o guarda-roupa. Mas quem se importa.

Entradas Mais Antigas Anteriores