Saúde: Ração Humana!

A maravilhosa ração humana é um composto que contém  diferentes tipos de ingredientes ricos em fibra. Controla colesterol triglicerídeos, aumenta a resistência orgânicaregula o intestinoajuda na desintoxicação do organismo.

O consumo da ração humana ajuda no emagrecimento porque tem a função de estabilização do sistema digestivo e diminui a absorção da gordura. É importante destacar que a ração humana tem o efeito de perda de peso, desde que sejam feitos exercícios físicos e que pelo menos 1 das refeições seja substituída pela ração.

Os seus 7 Benefícios:

Auxilia no funcionamento e regularização do intestino.
2 Aumenta o coeficiente metabólico e a eficácia na produção de energia.  Lubrifica e regenera a flora intestinal.
Excelente para a redução de peso, dos níveis de colesterol ldl, redução dos níveis de triglicerideos e aumento do colesterol bom hdl.
Ideal para prisão de ventre e acidez estomacal.
Diminui os riscos de doenças cardiovasculares e arterioesclerose.
Seu consumo regular favorece o controle dos níveis de açucar no sangue.

O que é ração humana ?

É um composto de diferentes tipos de ingredientes ricos em fibra.

Conheça os Benefícios: Controla o colesterol e triglicerídeos, aumenta a resistência orgânica, regula o intestino e ajuda na desintoxicação do organismo.

A utilização da ração humana auxilia no emagrecimento pois tem a função de estabilização do sistema digestivo e diminui a absorção da gordura. É importante destacar que a ração humana tem o efeito na perda de peso desde que, sejam feitos exercícios físicos e que pelo menos uma refeições seja substituída pela ração.

Receita da ração humana

1. Ingredientes

Linhaça

É rica em ácidos graxos Ômega 3, sais minerais e vitaminas. Auxilia na regularização do intestino, tem ação antiinflamatória, aumenta a atividade do sistema imunológico, além de possuir uma substância que protege contra tumores de mamas, ovários e próstata.

Colágeno

Usado para enrijecer os tecidos da pele, eliminar rugas e aumentar a tonicidade dos músculos. Fortalece unhas, cabelos e hidrata a pele, dando-lhe maior resistência, mais espessura, crescimento e brilho. Fornece aminoácidos fundamentais para a manutenção dos ossos e a reconstituição ou regeneração de algumas articulações.

Para mais informações sobre o colágeno, visite a página sobre o colágeno.

Fibra de trigo

Estimula os movimentos naturais do intestino, combate a prisão de ventre e favorece a eliminação de toxinas dos órgãos de digestão e excreção. As fibras são muito importantes também na prevenção de hemorróidas, câncer e obesidade.

Aveia

Contém uma espécie de goma que envolve as moléculas gordurosas, dificultando a absorção destas pelo organismo. A aveia auxilia no combate ao colesterol, estimula o apetite. Além disso, ela é essencial ao crescimento humano, fortificando o músculo cardíaco, regulando o sistema nervoso e fortalecendo a pele e os cabelos. Por isso ela é tão utlizada em produtos de beleza.

Leite de Soja

É rico em proteínas, vitaminas, sais minerais e lecitina, que tonifica o sistema nervoso. Ele também contém um hormônio natural vegetal que age no organismo como estrogênio, ajudando na redução de sintomas associados com a menopausa. Auxilia também na redução de colesterol no sangue e na prevenção e tratamento de muitos tipos de câncer; fornecendo ao organismo a quantidade adequada de proteínas, carboidratos, vitamina E e vitaminas do complexo B e Ômega 3.
Açúcar mascavo

Extraído da cana-de-açúcar, não passa por processo de refinamento, mantendo assim as vitaminas e sais minerais do caldo da cana. Contém vitaminas e grande quantidade de minerais – entre eles o ferro, o magnésio, o cálcio e o fósforo.

Castanha

É rica em folato e vitaminas C e B6. É excelente fonte de ferro, fósforo, riboflavina e tiamina.

Amêndoa

É relativamente rica em vitaminas B1, B6 e principalmente vitamina E. A amêndoa é um dos alimentos vegetais mais ricos em cálcio e fósforo. Contém quantidades importantes de magnésio, potássio, ferro, zinco e cobre. As amêndoas são ótimas para curar o stress, a depressão, a fadiga e o colesterol elevado.

Gergelim

Alimento muito rico em cálcio e fósforo. O gergelim possui em sua composição óleo de ótima qualidade biológica, proteínas, lecitina, vitaminas A, E, B1, B2, niacina e minerais. Possui muitas fibras, cálcio e ferro, constituindo-se num ótimo complemento alimentar. Tonifica os nervos, combate dores reumáticas, tumores, acido úrico, memória fraca, hemorróidas, gastrites, ulcera, prisão de ventre, pressão alta. É um excelente repositor de cálcio.

Gérmen de Trigo

Contém vitaminas dos grupos A, B, D, F, K e principalmente a vitamina E, que regenera os tecidos. Combate a menstruação irregular, dificuldades de crescimento e desenvolvimento, fraqueza muscular e infecções. Combate também doenças reumáticas, como o torcicolo, reumatismo muscular e nervoso, doenças cardíacas e circulatórias.

Os ingredientes podem ser facilmente encontrados em lojas especializadas em produtos naturais.

2. Modo de Preparo

– Utilize a mesma quantidade de cada componente. A porção recomendada é de 50 gramas de cada componente.
– Bata no liquidificador os ingredientes que não sejam em pó e depois misture-os. Guarde em vidros limpos e secos, bem fechados.
– Conserve em geladeira, por no máximo 15 dias.

3. Consumo

– Duas colheres de sopa por dia com água, leite ou um suco de sua preferência

Anúncios

Saúde à mesa (SOJA)

Ela é um dos grãos mais completos que existem e pertence à família das leguminosas secas (junto com o feijão, a lentilha e o grão de bico). A soja é rica em proteínas, lipídeos, fibras, vitaminas e minerais. Além disso, contém isoflavonas – substâncias que reduzem as taxas de colesterol ruim (LDL) e que ajudam a prevenir as doenças do coração.

Outra ótima notícia é que essas substâncias equilibram as quantidades de um hormônio feminino chamado estrógeno. “Isso ameniza os sintomas desagradáveis da menopausa”, explica Liliana Bricarello, do Departamento de Nutrição da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp). Conheça os benefícios da soja e aproveite-a melhor em seu cardápio diário.

  • Câncer de mama

Sabe o missoshiro, aquele caldo japonês à base de soja? Segundo um estudo recente, consumir diariamente 2 tigelas desse alimento reduz o risco de câncer de mama. Isso graças a uma substância que impede o crescimento de tumores.

  • Colesterol

O óleo da soja contém vitamina E, que ajuda a aumentar o HDL (colesterol bom). Consumir 25 g diárias de soja reduz os índices de colesterol total, de triglicérides e de LDL (colesterol ruim) em cerca de 10%.

  • Osteoporose

A farinha de soja previne contra essa doença dos ossos. As proteínas do grão reduzem a perda de cálcio pela urina.

  • Diabetes

As fibras da soja regulam o nível de glicose no sangue. Além disso, o açúcar presente no grão é pouco aproveitado pelo organismo. Por isso, o alimento é recomendado para os diabéticos.

  • Menopausa

A ingestão diária de soja atenua os sintomas da menopausa, como ondas de calor, dores de cabeça, insônia e secura vaginal. Isso porque o grão é rico em uma substância muito parecida com o estrógeno. Ou seja: ela atua como hormônio e têm a vantagem de não trazer efeitos colaterais. Por causa dessa semelhança com o estrógeno, os cientistas descobriram fortes indícios de que a soja diminui também o risco de tumores de útero.

  • Carne de soja ou bovina?

Compare os valores nutricionais dos dois tipos – uma vegetal, outra animal:

Carne de soja (100g) Carne bovina (100g)
Calorias 280 342
Proteínas 53g 23g
Carboidratos 31g 0
Colesterol 0 27g

Combatendo o inchaço no verão!

O inchaço é consequência da retenção de líquidos, que pode ser causada por muitos fatores. Pode ser uma reação do organismo a temperaturas muito quentes ou a simples gravidade, no caso de ficar de pé ou sentada por muito tempo. Queimaduras (inclusive de sol) e remédios com corticóides também entram na lista, assim como anticoncepcionais com doses altas de estrogênio e o sal que você consume em exagero.
Você pode combater o problema com mudanças na alimentação. Veja algumas estratégias:

– Diminua significativamente o consumo de sal na mesa e deixe-o de fora na preparação dos alimentos. Escolha ervas frescas como orégano, manjericão, alecrim e louro para temperar.

– Inclua mais vitamina B6 (piridoxina) na sua rotina, pois a sua deficiência pode limitar a ação dos rins. Boas fontes são arroz integral e carne vermelha.

– Vitamina B5 (ácido pantotênico), o Cálcio e a vitamina D também ajudam o corpo a eliminar o excesso de fluidos. Aposte em frutas frescas e derivados do leite com pouca gordura.

– Beba chás de ervas com propriedades diuréticas, como dente-de-leão e cavalinha.

– Escolha alimentos com a mesma propriedade: melancia, pepino, agrião, aspargos, alface, melões, uva e suco de cranberry.

– Não esqueça de alimentos ricos em magnésio, pois ele pode ser eliminado com o uso excessivo de diuréticos. Opte por verduras folhosas, salsa e alho.

– Salsa, acelga, espinafre, couve, brócolis, cenoura e aipo vão garantir a sua dose de potássio.

– Beba muita água ao longo do dia. Pode parecer contraditório, mas um corpo bem hidratado retém menos líquido.

– Diminua bastante o consumo de bebidas como café, chá preto e álcool, que apesar de sua ação diurética, promovem a retenção de sódio.

– Consuma com moderação conservas, azeitonas, embutidos, molho de soja, sopas e molhos prontos e açúcar refinado.

Se o seu inchaço for recorrente, é essencial que você procure um médico, pois vai tirar a dúvida quanto a problemas renais. Caso seja uma condição eventual, use e abuse dos sucos abaixo. Para prepará-los, basta bater todos os ingredientes no liquidificador e coar quando achar necessário.

  • Suco 1

½ maço de agrião, 2 cenouras, 1 maçã, 5 galhos de salsa e folhas de hortelã

  • Suco 2

100 ml de suco de maçã, 100 ml de suco de pera e 100 ml de suco de melão

  • Suco 3

1 fatia grande de melão cantalupo, 1 banana média e raspas de gengibre

  • Suco 4

Suco de 2 limas da Pérsia, 1 xícara de chá de melancia picada e 1 punhado de hortelã